Segunda, 19 Abril 2021 14:49

Roosevelt Vilela delimita a responsabilidade técnica em estabelecimentos que criam e mantêm animais e que realizem a prática clínica médica veterinária

O deputado pediu alteração ao Projeto de Lei n° 55/2020 para que os zootecnistas possam trabalhar em estabelecimentos que criam ou mantenham animais

O deputado Roosevelt Vilela apresentou uma emenda ao Projeto de Lei Complementar n° 55/2020 para permitir que zootecnistas possam atuar como Responsáveis Técnicos (RT) em estabelecimentos que criam ou mantenham animais. Com a proposta do parlamentar, que inclui no PL a palavra “clínica” na definição de estabelecimentos médicos-veterinários, passa a ser exigido o RT médico veterinário apenas em estabelecimentos que realizem procedimentos médicos. Nos demais estabelecimentos o Zootecnista poderá atuar como RT.

O PL original determinava que todos os estabelecimentos que criam ou mantenham animais só pudessem ter médicos veterinários como RT. “Com a nossa emenda, além de descentralizar a responsabilidade técnica, damos oportunidade aos donos de estabelecimentos de contratarem zootecnistas, profissionais de extrema importância quando envolve manejo de animais”, ressaltou o parlamentar.

Projeto voltado à zootecnia

O deputado Roosevelt Vilela busca auxiliar o trabalho dos zootecnistas aqui do Distrito Federal há bastante tempo. Foi liberado na data de hoje (14) recursos no valor de R$ 60 mil para a reforma da Casa do Zootecnista, a terceira do país e a única do DF. Ela está localizada em espaço estratégico: no Parque Granja do Torto, centro do agronegócio da capital federal.

Roosevelt Vilela tem compromisso firmado com a categoria. “Fico muito feliz em poder contribuir com o fortalecimento da zootecnia aqui do DF. Contem comigo para ajudar no for necessário”, destacou o deputado.

Acesse nossas mídias: